Monthly Archives

junho 2017

Comportamento & Etiqueta

PISCA ALERTA NÃO SIGNIFICA PARAR EM QUALQUER LUGAR

8 de junho de 2017
piscapisca2

Resolvi escrever este post porque estou cada dia mais indignada com o trânsito em minha cidade. Tá! Uberlândia nem é tão grande assim, mas isso não vem ao caso (como dizem aqui em Minas), mas acho que independente do tamanho da cidade, colocar no lugar do outro é regra fundamental da boa convivência.

O artigo 40, inciso V do Código de Trânsito Brasileiro diz que: “luz intermitente do veículo, utilizada em caráter de advertência, destinada a indicar aos demais usuários da via que o veículo está imobilizado ou em situação de emergência”.

Ou seja: 1- parar para buscar filho na escola e ligar o alerta só pra parar na porta do colégio – NÂO PODE

2- parar em fila dupla para conversar com um colega que está na calçada – NÃO PODE

3- parar e ligar o pisca alerta para que outra pessoa entre no veículo – NÃO PODE

4- parar o carro em faixa de tráfego normal e ligar o pisca alerta só para parar em frente ao banco – NÃO PODE

Acredito que se todo ser humano colocasse no lugar do outro, ou simplesmente não quisesse tirar vantagem em tudo, nosso cotidiano seria muito mais elegante. Pense nisso! Afinal não é só você que tem que cumprir horários, ou simplesmente a rua não é só sua. Vale o alerta! Condutores, leiam novamente o CTB, pelo menos uma vez por ano!

Comportamento & Etiqueta

MEMES DE INTERNET MUDANDO AS REGRAS DE ETIQUETA À MESA: CUIDADO!

1 de junho de 2017
15649137_ITsJ0

Quando recebi está imagem acima, fiquei chocada com a invenção do ser humano. Até que ponto eles querem complicar o serviço à mesa? Depois disso me perguntei: será que eu deixei de estudar essa parte da etiqueta a mesa? De onde eles tiraram isso. Então fui estudar e pesquisar novamente, e pasmem. Isso tudo é uma mentira. Busquei em livros de etiqueta, sites nacionais e internacionais de comportamento e etiqueta a mesa e nenhum deles falam em momento algum sobre essas regras então, por favor: isso não existe.

Nossa influência francesa na gastronomia é grande, por isso temo sim regras para compor mesa, posicionamento de talheres, copos e afins, mas regras como estas para retirada do prato ou comunicação com garçom não existem.

A única imagem que condiz com a realidade é “estou satisfeito” – e por motivo prático: o garçom retira os pratos por trás da cadeira e, com os talher paralelos, com cabo voltado para o cliente é mais fácil para ele firmar a mão e não derrubar os mesmos.

Então pessoal não vamos acreditar em tudo que a internet nos propõe. Vamos estudar e ver se tem fundamento ou não aquilo que estou lendo e vendo.

O que vale mesmo na etiqueta à mesa é o bom atendimento e a boa gastronomia e não a linguagem dos talheres!