Monthly Archives

janeiro 2014

Comportamento & Etiqueta

Pontualidade: Uma questão de respeito

24 de janeiro de 2014
site

Você é sempre pontual nos compromissos agendados? Se sua resposta for não, fique atento: a falta de pontualidade pode demonstrar desrespeito por uma pessoa. E mais: tempo é um bem muito precioso e não nos cabe roubá-lo de alguém.

Reuniões

Quando você marca com alguém você é pontual ou faz a pessoa te esperar, tomando o famoso chá de cadeira? Pois é, até nesse momento sua etiqueta está sendo analisada. Questão de respeito com quem recebe.

Sala de aula

A pior coisa para um professor é começar a aula e um aluno chegar, dar bom dia ou boa tarde. Além de cortar o raciocínio do professor tira a atenção de outro aluno. Para evitar isso, a dica é: adiantar seu relógio para não ter fama de atrasadíssima (o), afinal em sala de aula você esta formando o seu perfil profissional.

Eventos

Palestras, casamentos, cerimônia de posse, enfim, qualquer tipo de evento, sempre são marcados com quinze minutos de antecedência do horário estipulado ou às vezes até trinta minutos. Isso é um costume que pessoalmente não aprovo. Penso que devemos acostumar as pessoas que os eventos começaram no horário marcado, respeitado quem é pontual. Isso é questão de educação e cortesia.

Visita a casa de amigos

A cultura brasileira prega que devemos marcar visitas sempre mais cedo, pois seus amigos sempre vão chegar mais tarde. Certo? Errado. A postura correta seria marcar no horário que você preferir e seus amigos chegarem na hora que você marcou. Nesse item penso que deveríamos copiar os americanos, que são extremamente pontuais. Se marcam um jantar às 22h você deve chegar às 22h, pois os donos da casa ou anfitriões já estarão te esperando. Detalhe: tem hora pra começar e para terminar.

A questão da pontualidade deve ser levada mais a sério. Ser pontual significa ser respeitoso e respeito ao próximo é a regra nº 1 da etiqueta.

Sem categoria

E agora? Estou em um evento e uma pessoa está com a mesma roupa que eu, o que fazer?

18 de janeiro de 2014
esse 2

Quem já passou por essa situação sabe o quanto é desconfortável lidar com esse momento. O que fazer nessa situação? Correr para casa e trocar de roupa? Rir da situação e encarar com naturalidade? Fique calmo. Separei algumas dicas especiais para esses momentos delicados e desagradáveis.

1-      Agir com naturalidade: a melhor maneira nesse caso é agir de forma natural. Se a pessoa que está com a mesma que você for sua conhecida, leve o acontecimento pelo lado cômico e diga: “você tem muito bom gosto”! Sorria e continue normalmente seus cumprimentos. Essa atitude “quebra o gelo” do momento e faz você se sentir melhor. Mas, se a pessoa não for sua conhecida, apenas olhe e dê um sorriso.

2-       Posar juntas: No filme Sexy and the City 2, a personagem Samantha encontra Miley no tapete vermelho, que estão com o mesmo vestido. Se até em cenas de Hollywood isso acontece imagine na vida real! É correto posar juntas para uma foto e até fazer graça com o acontecimento, pois isso faz com que a situação fique engraçada e o foco mude.

3-      Olha o barraco: fazer barraco vai chamar ainda mais atenção. Por isso, não grite e nem se “descabele” com a situação. Haja com postura e elegância. Discrição nesse momento é a palavra de ordem.

4-      Circule pela festa: não deixe de circular pela festa devido a essa coincidência. Depois disso, você está liberado para ir embora, afinal ninguém é de ferro.

O correto mesmo é levar a situação com bom humor. Isso vai fazer com que o momento fique mais leve pra você e para a outra pessoa.

Sorria com a situação, pose, circule e vá embora!

Comportamento & Etiqueta

As infrações da etiqueta profissional com o uso dos smartphones

13 de janeiro de 2014
smartphone

Pensar em conectar a qualquer minuto com qualquer pessoa em qualquer lugar faz com que os indivíduos percam um pouco do bom senso, principalmente no ambiente profissional. Para quem quer ser uma pessoa elegante, vamos às dicas do bom uso do smartphone dentro do ambiente corporativo.

 

Reuniões

Quando agendamos uma reunião ou fomos convocados para uma, sabemos que o momento será para tomar decisões, planejar algo, dar feedbacks entre outros motivos. Sendo assim, o uso do aparelho de celular fica estritamente proibido. Por isso, desligue-o ou coloque no silencioso.

 

Visita a clientes

Esse é um momento que exige muita atenção, pois você deve aproveitar seu tempo com o cliente, ouvindo-o, trocando ideias, etc. A regra é bem clara: silencioso ou desligado. Quando você terminar a visita, retorne todas as ligações e mensagens que você recebeu nesse período.

 

Postagens

Como estamos conectados 24h por dia podem ocorrer deslizes no momento que fazemos postagens pessoais. Lembrem-se: horário de trabalho é horário de trabalho e algumas imagens podem comprometer seu lado profissional.

 

Uso das Contas

No Facebook você tem um perfil pessoal ou profissional? O correto é manter uma linha, ou seja, se meu perfil é pessoal devo adicionar pessoas do meu contato pessoal, ou seja, pessoas que não vão me julgar por eu estar bebendo um vinho em algum momento. Se optar pelo perfil profissional, a atenção é redobrada. Poste assuntos e fotos e adicione amigos relacionados com o seu interesse profissional. A regra é clara: não misture interesses, porque isso também pode prejudicar sua imagem profissional.

 

Nunca, jamais…..

Locais como sala de aula, cinema, velórios, eventos de qualquer espécie, almoços ou jantares de negócios e reuniões o celular deve estar desligado ou no silencioso. O importante é saber que o mundo não vai acabar se você ficar algumas horas, minutos ou segundos sem consultar seu celular. Aliás, a elegância está justamente em saber qual o momento oportuno para usar seu aparelho e fazer com que ele seja seu aliado e não o vilão da sua imagem profissional.

Cursos & Palestras

Palestra sobre Cerimonial Público

9 de janeiro de 2014
Camara Municipal  (3)

Palestra ministrada para a Escola do Legislativo de Uberlândia -MG em Julho de 2013, sobre Cerimonial Público, abordando normas, precedências e comportamento para esse tipo de evento.

Comportamento & Etiqueta

Aproveite as suas férias com elegância!

6 de janeiro de 2014
ferias(3)

As férias escolares estão chegando e com elas começam as cenas pavorosas de deselegância em determinados ambientes sociais. Vamos a algumas dicas para aproveitar cada momento de lazer com elegância.

Clubes

Clube não é local privativo. São instituições privadas pagas por um grande número de associados. Por isso, fique atento: “sua liberdade começa onde a do outro termina”. O ideal para ser elegante em clubes é comportar-se de maneira civilizada, ou seja, cumprir as regras do clube. Evite grandes demonstrações de amor dentro da piscina. Dentro dos restaurantes coloque uma saída de banho ou um short e camiseta. Trate bem os colaboradores do clube, afinal são eles que mantêm o espaço adequado para o seu conforto. Sua conduta neste ambiente mostrará, sem dúvida, o seu grau de educação e etiqueta.

Shopping

Os shoppings, apesar de serem espaços considerados públicos, também exigem certo grau de civilidade, afinal várias tribos se encontram ali. Seja discreto em todos os momentos, para comer, para falar e até para estacionar o carro. Movimentos sutis dentro desses espaços são os mais ideais e elegantes. Seja discreto em todos os momentos, para comer, para falar e até para estacionar o carro.

Praia

Por ser espaço público, deve-se respeitar o limite dos seus vizinhos de barracas ou de guarda-sol. Evite ocupar um espaço além do seu. Não paquere a vizinha do lado se ela estiver acompanhada dos filhos e marido. Pinça é um local proibido para esse ambiente, deixe-a guardada em sua nécessaire e quando chegar ao hotel utilize como quiser. Cuidado com seus objetos pessoais, junte tudo em uma sacola de praia e nunca deixe a bolsa sozinha. Cuidado com os espaços das crianças e também com o barulho que elas fazem. Evite que elas joguem areia na cadeira do lado ou que perturbem a pessoa que está lendo perto de você.

Férias em casa

Curtir um filme, jogo de futebol, piscina, enfim, férias em casa também é bom para descansar e aproveitar. O importante é respeitar seus vizinhos. Por isso, evitem som alto, barulhos e ruído excessivo e, claro, contenha as crianças, principalmente se morarem em apartamento. O ideal para pessoas elegantes darem show em suas férias é aprender a curti-las, sempre respeitando o espaço do próximo.

Comportamento & Etiqueta

Respeito é bom e todo mundo gosta!

5 de janeiro de 2014
Habitos-no-Trabalho

A palavra respeito é muito conhecida e dispensa qualquer explicação. Porém, na correria em que vivemos, ela anda sendo esquecida. É preciso ficar atento e tratar o próximo com atenção, consideração. É preciso obedecer e acatar as leis existentes. Minha intenção no texto deste mês é chamar a atenção das pessoas para observarem seu comportamento em certos ambientes sociais e levá-las a fazer uma reflexão sobre sua reação diante deles.

Elevador

Seja em condomínios, edifícios residenciais ou comerciais, shoppings, consultórios médicos, etc, a regra é clara: quem sai do elevador tem prioridade sobre quem entra. Afinal de contas, como vai entrar mais pessoas, se as outras não saíram? Por isso, aguarde sua vez! Seja educado e, acima de tudo, sensato.

Filas de supermercado

Existem pessoas que adoram ir ao supermercado, outras nem tanto, umas têm tempo disponível e outras nem tanto tempo assim. Mas, como não sabemos quem estará nesses lugares, o importante é respeitar em todos os momentos e situações. As filas existem em quase todos os lugares e se você não estiver com tempo sobrando, verifique as filas antes de iniciar as compras e veja se vai poder ou não esperar. Outro detalhe: o caixa não é seu. Então, esteja com suas compras todas em mãos antes de entrar na fila e não pare o atendimento porque se esqueceu de pegar um item. Além de deselegante, é desrespeitoso.

Senhas de atendimento!

Devemos entender que cada empresa segue uma ordem, ou seja, não é porque sua senha tem um número menor, que você será o próximo a ser atendido. Existem os atendimentos prioritários e as ordens dos mesmos acontecem de acordo com a necessidade e trabalho da empresa. Pessoas elegantes não ficam resmungando nas filas porque sua vez não chegou. Além do mais, a maioria dos locais tem lugares para aguardarem sentados. E os funcionários estão trabalhando e não merecem seu mau humor.

Ei, garçom!

Precisou do serviço do garçom? Peça com gentileza. Levante a mão com movimentos suaves e lembre-se: o garçom não é surdo. Por isso, não adianta ficar gritando ou fazendo movimentos com sons para ser atendido. Caso o garçom não o veja, aguarde ou fale com o gerente. Vocês viram que expomos apenas quatro situações básicas da nossa rotina e podemos concluir que o que prevalece em qualquer situação é a gentileza e a paciência.

Com esses ingredientes podemos mudar o nosso dia e, quem sabe, o dia da outra pessoa. Vale lembrar a frase do sábio profeta Gentileza: gentileza gera gentileza!

Comportamento & Etiqueta

Você foi convidado?

4 de janeiro de 2014
BackstageAT-NY-NY-PARIS-PARTY-Paris-Fashion-Week-©-Kevin-Tachman-2010-00421

Existem diversos tipos e modelos de eventos, mas para todos eles existem regras básicas do que não fazer. Muitas perguntas em relação à etiqueta são feitas diante desse tema. Então, vamos às dicas.

1- Convite é pessoal: primeiro ponto que devemos ter em mente é que o convite, seja ele qual for, é pessoal e intransferível, ou seja, se você recebeu o convite é você quem deve ir ou não ao evento.

2- Representações: no mundo corporativo existe muito isso. A autoridade é convidada e delega um representante que vá ao evento representando a instituição. É elegante a pessoa que for convidada mandar uma carta agradecendo o convite e delegando uma pessoa para representá-lo. Porém, devemos ter o cuidado de nos atentar que essa pessoa seja autoridade no tema do evento. Contudo, não é toda autoridade que pode se fazer representar.

3- Penetras: antigamente a pessoa convidada se sentia no direito de convidar mais sete pessoas. Porém, a etiqueta reza ao contrário. Você é convidado e não tem o direito de convidar ninguém a mais. Portanto, ser penetra em qualquer situação é, sim, muito deselegante. Primeiro, porque a pessoa que convida já providenciou o buffet para a quantidade de pessoas que ela gostaria. Segundo, porque é deselegante e ponto final.

4- Penetras que querem ser o centro das atenções: pior do que ser penetra é ser um penetra que deseja ser o centro das atenções. Chega chamando atenção de todo mundo, falando alto e achando que é o dono do evento. Isso é extremante deselegante e desnecessário.

5- Auto convite: nunca diga a famosa frase: “nossa, você nem me convidou”. Isso é mais deprimente ainda. Se aconteceu uma festa ou ainda vai acontecer, nunca, jamais, em hipótese alguma, se auto- convide. Além de deselegante, é descortês, e comprova o seu desprestígio diante daquele anfitrião. O correto é agir naturalmente. Caso a pessoa não te convide, fique na sua e não se sinta ofendido, afinal com a vida corrida que temos hoje, isso é muito fácil de acontecer. E não necessariamente é porque a pessoa não gosta de você ou coisa parecida.

O correto em relação a esse tema é sempre prestar atenção aos eventos que você é convidado e nunca parecer o famoso “arroz de festa”. Analise bem seus convites, se é pertinente ou não sua presença, e jamais se faça representar por alguém, caso você não seja uma autoridade. E lembre-se, nunca convide ninguém, se você não for o dono do evento. Penetras, se liguem!

Comportamento & Etiqueta

Sejam bem vindos ao meu novo blog!

1 de janeiro de 2014
cropped-topobruna1.jpg

Olá!
Sou Bruna Barcelos e tenho o prazer de lhe apresentar o meu novo site/blog. Aqui compartilharei experiências e conhecimentos com todos vocês, amigos leitores. Entrem e fiquem a vontade. Desde já agradeço o carinho de todos.